A Invenção da Felicidade

Você quer ser mais feliz. Você acredita que pode ser mais feliz. Você entende que só depende de você. Todavia, essa visão de mundo não nasceu contigo. Ela lhe foi ensinada pelos seus pais, pela sua escola e pela sua TV. Ela faz parte da nossa cultura. Se você tivesse nascido em outra época, veria as coisas de um modo bem diferente. Continue lendo A Invenção da Felicidade

Quem Diz “Eu Te Amo” Primeiro?

Esqueça o estereótipo da fobia masculina com relacionamentos sérios. Um novo estudo descobriu que além de serem os primeiros a dizer “eu te amo”, os homens também se sentem mais felizes do que as mulheres quando ouvem essas três pequenas palavras. A felicidade é ainda maior se a mulher confessa seu amor antes que o casal tenha feito sexo, reportaram pesquisadores em junho no Journal of Personality and Social Psychology.

Continue lendo Quem Diz “Eu Te Amo” Primeiro?

A Sexologia do Dinheiro

Os economistas gostam de pensar que somos pessoas racionais, e que decidimos como gastar nosso dinheiro avaliando taxas de juros, opções de investimento e processos inflacionários. Mas a psicologia está aqui para estragar a festa. Acaba de sair mais um estudo que mostra que, em matéria de dinheiro, a população economicamente ativa tem razões que a própria razão desconhece. Continue lendo A Sexologia do Dinheiro

O Cigarro e o Cérebro

Adolescentes fazem bobagens. Você sabe. Afinal, você já foi adolescente. Talvez você ainda seja. Talvez você esteja fazendo alguma bobagem neste exato momento, enquanto lê este artigo.

Se este for o caso, não se preocupe. As bobagens que cometemos em nossos anos de colegial são, em sua maioria, inofensivas – crimes que prescrevem com o tempo. Ao longo da vida, viram apenas histórias engraçadas, que gostamos de recordar em nossos momentos de maior nostalgia. Outras bobagens, no entanto, podem deixar sequelas para a vida inteira. Acidentes de skate são um exemplo. O cigarro é outro. Continue lendo O Cigarro e o Cérebro

Buááá! A Ciência por Trás do Choro

De repente seu queixo começa a tremer, os cantos da sua boca vão se arqueando para baixo, seus olhos começam a se fechar e as lágrimas (escandalosamente) começam a jorrar. Não precisa se envergonhar. Todos nós – homens (!) e mulheres – já passamos por isso. As mulheres mais do que os homens, naturalmente. Segundo estudo da Universidade de Minnesota, as moças choram 5 vezes ao mês. Os rapazes, apenas uma. E às escondidas, claro. Continue lendo Buááá! A Ciência por Trás do Choro

Mentes Destras x Mentes Canhotas

Responda rápido: qual é a diferença entre destros e canhotos? Se você disse algo como “os destros utilizam mais a mão direita, e os canhotos, a esquerda”, saiba que a sua resposta está profundamente incompleta. Pelo menos é o que diz Daniel Casasanto, psicólogo da New School for Social Research. Em um artigo recentemente publicado, Casasanto revisou diversos estudos para descobrir se a mão dominante pode influenciar a maneira como você pensa, age, avalia alternativas e toma decisões. Em resumo, ele concluiu que… Continue lendo Mentes Destras x Mentes Canhotas

Meninos, comportem-se!

Diversas escolas adotam, ao redor do mundo, a estratégia de separar as classes a partir do sexo dos alunos. É o antigo sistema “”meninas na sala A e meninos na sala B””. Apenas recentemente, porém, estudiosos sérios se fizeram a óbvia pergunta: esse método realmente funciona? Um estudo recente sugere a resposta: com a separação de salas, apenas as meninas saem ganhando. Continue lendo Meninos, comportem-se!

Sobre Sonecas e Bons Alunos

O sono é uma coisa mesmo espantosa. Todos os dias, durante algumas horas, simplesmente saímos do ar. Nossa mente se esvazia de toda experiência sensorial imediata, e se inunda com uma torrente de imagens e sons desconexos, que às vezes se aglutinam em enredos descabeçados chamados sonhos. É um espetáculo misterioso, e os cientistas ainda estão tentando descobrir qual é a finalidade de tudo isso. Continue lendo Sobre Sonecas e Bons Alunos

Um blog sobre Neurociência e Educação.